“Não deixem as vossas filhas irem sozinhas à Loja do Chinês do...

“Não deixem as vossas filhas irem sozinhas à Loja do Chinês do Patacão” [Actualizada]

7450
PARTILHE
O post já gerou mais de mil partilhas (Fotos publicadas por João Paraíso D.R.)
O post já gerou mais de mil partilhas (Fotos publicadas por João Paraíso D.R.)

A minha filha sofreu hoje um abuso de parte do dono, que não resultou em males maiores porque a miúda conseguiu fugir de lá e apanhar um táxi, foi este o desabafo de indignação que João Paraíso deixou público na sua página de FB, ontem à tarde.

Nitidamente revoltado, o seu post inicia dizendo “Venho por este meio avisar a todos os pais e mães da zona dos Braciais e do Patacão, que tenham filhas pequenas que, por favor, não deixem as vossas filhas irem sozinhas ao chinês do Patacão (…)”

No final do seu post partilhado por mais de mil pessoas, faz um apelo: “Peço partilha de toda a gente porque hoje foi a minha mas amanhã pode ser a vossa”.

A acompanhar o post, João Paraíso publicou uma foto da fachada da loja e outra com o dono da mesma.

- Pub -

Segundo o pai, João Paraíso, disse ao POSTAL, o dono da loja “tentou comprar o silêncio da minha filha com um perfume e umas meias de licra” e acabou por admitir depois o que tinha feito à sua filha frente aos vizinhos que garante serem suas testemunhas.

Dos vários comentários de indignação, uma mãe acompanhada da sua filha de sete anos desabafa que quando esteve nessa loja “esse Sr.” estava “de pénis na mão” (Foto D.R.).
Dos vários comentários de indignação, uma mãe acompanhada da sua filha de sete anos desabafa que quando esteve nessa loja “esse Sr.” estava “de pénis na mão” (Foto D.R.).

Entre os vários comentários deixados sobre o referido post, foram várias as pessoas que disseram terem testemunhado comportamentos considerados abusivos por parte do dono da loja.

O testemunho mais indignado era de uma mãe [ver fac-símile do seu post aqui reproduzido] que escreveu ter feito oito dias no domingo “quando fui lá comprar uma grelha para assar carne com a minha filha de sete anos, estava esse Senhor de pénis na mão”. Segundo a mãe, a filha terá comentado “mamã, o senhor está despido”. Para seu espanto, quando ela olhou “lá estava o dito cujo com ele [pénis] na mão”.

O POSTAL tentou entrar contacto com o dono da loja mas sem sucesso. Uma fonte próxima do dono disse ao POSTAL que ele preferia não prestar quaisquer declarações sobre o que terá sucedido.

Facebook Comments

Comentários no Facebook