Adriana Nogueira sucede a Alexandra Gonçalves na Direcção de Cultura do Algarve

Adriana Nogueira sucede a Alexandra Gonçalves na Direcção de Cultura do Algarve

415
PARTILHE

Adriana Nogueira inicia funções a 16 de Dezembro

Adriana Nogueira é a nova directora regional de Cultura do Algarve, em substituição de Alexandra Gonçalves, que deixa o cargo após o Governo ter optado por não a reconduzir, foi hoje publicado em Diário da República.

A nova directora regional de Cultura do Algarve é professora universitária, tem um longo currículo académico ligado à Universidade do Algarve e foi nomeada para o cargo pela tutela “em regime de substituição”, até que seja realizado o concurso público que permitirá atribuir o cargo definitivamente a um candidato.

Adriana Nogueira inicia funções a 16 de Dezembro, precisou o Diário da República, após a finalização do mandato de Alexandra Gonçalves, em funções desde Dezembro de 2013.

A tutela da Cultura já tinha indicado que não pretendia renovar o mandato de Alexandra Gonçalves, porque pretendia “imprimir uma nova orientação e dinâmica à Direcção Regional de Cultura do Algarve”.

“Designo para exercer o cargo de Director Regional de Cultura do Algarve, em regime de substituição, a doutorada Adriana Manuela de Mendonça Freire Nogueira, cuja nota curricular anexa ao presente despacho evidencia perfil adequado e demonstrativo da aptidão e da experiência profissional necessárias ao exercício do referido cargo”, pode ler-se no despacho da secretária de Estado da Cultura, Ângela Carvalho Ferreira.

Adriana Nogueira fica autorizada pelo despacho “a exercer outras funções […] compatíveis com as funções a desempenhar, nomeadamente em atividades de docência e investigação em estabelecimentos de ensino superior público ou de interesse público”.

A recém-nomeada directora regional de Cultura do Algarve tem 52 anos, é licenciada em Línguas e Literaturas Clássicas pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e doutorada no ramo de Literatura, na especialidade de Literatura e Cultura Clássicas, pela Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade do Algarve.

Para além de professora auxiliar na Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade do Algarve desde 2006 e até à data, foi também directora da biblioteca da mesma instituição, sendo subdiretora do Doutoramento em Literatura (2018).

Dirigiu também o departamento de Artes e Humanidades daquela instituição (2011-2013), foi membro eleito do Conselho Científico da mesma faculdade (2011-2018) e directora do Mestrado em Produção, Edição e Comunicação de Conteúdos da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade do Algarve (2011-2014), entre outras funções, refere a Agência Lusa.

Adriana Nogueira colaborou com o Caderno de Artes Cultura.Sul até ao passado mês de Julho.

Facebook Comments

Comentários no Facebook