Cerca de 3.000 visitantes em mais uma edição do Dia Aberto da...

Cerca de 3.000 visitantes em mais uma edição do Dia Aberto da Universidade do Algarve [fotogaleria]

770
PARTILHE
- PUB -

Curiosidade e muitas dúvidas à mistura fizeram com que os alunos respondessem ao desafio da universidade e participassem neste dia. O Dia Aberto da Universidade do Algarve realizou-se esta quinta-feira, dia 22, e contou com a participação de 3.000 visitantes.

Os alunos tiveram contacto com o mundo da investigação, através das várias áreas de estudo da Universidade do Algarve. As actividades foram pensadas de forma a estimular o sentido crítico dos jovens, esclarecer as suas dúvidas sobre os cursos e dar a conhecer um pouco mais sobre aquilo que se faz na UAlg.

Márcia André, fonte da organização disse ao POSTAL que “a ideia deste dia aberto é dar a conhecer aos alunos das escolas secundárias (10º,11º e 12º) a nossa oferta formativa. Temos escolas praticamente de todo o Algarve e algumas de fora. Para além de alunos que visitam a UAlg com os professores temos também alguns alunos que vêm sozinhos. Para além disso temos famílias. Já nos apareceram aqui várias famílias, pais que vêm com os filhos, para se informarem melhor sobre a oferta formativa. A ideia é também que os alunos fiquem a conhecer os espaços, que tenham contacto com os laboratórios, com os docentes, com a cantina, com toda a vida do Campi”. 

Sublinhou ainda que “continuamos a achar que este é um dia muito importante e os números refletem bem isso. Esgotámos todas as actividades. Tivemos alunos que não se conseguiram inscrever e mesmo assim apareceram na Universidade e ainda os conseguimos integrar nas actividades. Vê-se que é um dia diferente e que ficam muito satisfeitos. Como têm contacto com os alunos mais velhos conseguem também perspectivar o seu futuro”.

“É fascinante para uma pessoa que ainda está no 12º ano experienciar em primeira mão o ambiente universitário”.

Este dia teve uma enorme adesão e os alunos ficaram a conhecer um pouco mais sobre a Universidade e a sua oferta formativa.

Marta Santos Silva, aluna de 12º ano do curso de economia, referiu ao POSTAL a sua opinião, “acho que este dia me ajudou a melhorar a ideia que tinha da Universidade do Algarve porque a ideia era errada e eu não tinha noção do quão boa era a Universidade nem das oportunidades que esta nos pode proporcionar. Ainda não tenho a certeza sobre o curso que pretendo seguir mas sei que a área será dentro da área da gestão, gestão de empresas, economia e embora a Universidade do Algarve não fosse a minha primeira opção depois de vir cá vou definitivamente considerar essa hipótese”.

Por sua vez, Marco Amaral, aluno da ESPAMOL Lagoa disse ao POSTAL que “é fascinante para uma pessoa que ainda está no 12º ano experienciar em primeira mão o ambiente universitário e ver os cursos, as pessoas, é bastante interessante. Já participei em actividades de turismo, marketing, gestão e psicologia. Turismo e marketing são as que me despertaram mais interesse. Estou a ponderar seriamente qual a Universidade onde pretendo ingressar mas, sem dúvida que a Universidade do Algarve é uma das opções”.

O Dia Aberto é um dia muito importante para a Universidade do Algarve porque a instituição abre as portas ao exterior

Quanto à importância deste evento, o POSTAL conversou com Saul Neves de Jesus, vice-reitor da Universidade do Algarve, “o Dia Aberto é um dia muito importante para a Universidade do Algarve porque a instituição abre as portas ao exterior. É óbvio que a Universidade tem sempre as portas abertas mas neste dia, em particular, com mais intensidade para os alunos e os professores. Este ano conseguimos atingir um número perto dos 3.000 visitantes, entre alunos e professores que estiveram quer no Campus de Gambelas, quer no Campus da Penha a assistir a várias actividades.”

Na Universidade do Algarve existem dois grandes tipos de abordagem relativamente ao ensino secundário e actividades que são organizadas pela instituição: um tipo de actividade é no sentido da escola vir à Universidade em que se enquadra precisamente o Dia Aberto. Por outro lado existem iniciativas que se integram na temática “A Universidade vai às escolas” em que uma equipa Ualg vai às escolas fazer palestras sobre diversos temas. 

Para o ano fica a promessa de “talvez estender esta iniciativa para dois dias”

A maioria dos alunos que visitou a UAlg fê-lo acompanhado por um professor.

O POSTAL falou ainda com Margarida Mendonça, docente de História, da escola secundária José Belchior Viegas, “ eu acho que é importante que continuem a realizar este tipo de actividades porque os alunos começam a ter uma perceção diferente da universidade e acabam por ter um primeiro contacto com aquilo que vai ser o futuro deles. É importante que falem com os professores, que tirem dúvidas, porque esta abordagem só no secundário não é suficiente”.

Tomás Colaço, aluno do Mestrado de Arquitectura Paisagista referiu ao POSTAL que, ” faço parte da organização do dia aberto e acompanho os alunos do secundário até às actividades. Nós montamos maquetes, apresentamos os cursos, as vantagens que o curso tem em termos de sustentabilidade e damos a conhecer o melhor lado do nosso curso. Todos os anos tem vindo a aumentar o número de alunos que participam neste dia Aberto, factor este que é bastante positivo”.

André Botelheiro, coordenador do Gabinete de Comunicação da Ualg focou ainda a grande organização que esta atividade exige e a forte mobilização da Academia, sem esquecer “o voluntariado dos alunos da UAlg”, que muito contribuem para o sucesso deste Dia Aberto. Para o ano fica a promessa de “talvez estender esta iniciativa para dois dias”.

(Stefanie Palma / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook