IPDJ de Faro assinala o Dia Mundial do Teatro

IPDJ de Faro assinala o Dia Mundial do Teatro

379
PARTILHE
A participação de escolas, clubes e grupos de teatro da região (Foto arquivo: D.R.)

Para assinalar o Dia Mundial do Teatro, o IPDJ promove programa de atividades onde os jovens possam recolher e partilhar experiências na sua relação com o Teatro. O evento, organizado por alunas do 2º ano do Curso Profissional de Artes do Espetáculo da Escola Secundária Tomás Cabreira, vai decorrer na Direção Regional do IPDJ, entre 26 de março e 5 de abril.

O programa de atividades teve inicio hoje, pelas 10:30 horas, e em colaboração com o Cineclube de Faro teve lugar uma cine-conversa a partir do filme “Looking for Richard | À Procura de Ricardo III”, filme estreia de Al Pacino, e que serve de estudo à obra de W. Shakespeare.

No dia 27 de março, com a participação de escolas, clubes e grupos de teatro da região, os jovens podem participar em diversas dinâmicas, como,  Grupo de leitura – por Manuel Neiva, Workshop de Expressão Dramática – por Teresa Baginho, Dinâmica do Abrigo Subterrâneo” – por Pamela Bender e Sofia Bento e a Tertúlia “Vamos Falar sobre Teatro” com Diana Bernedo, Miguel Pessoa e Tânia Silva.

Peça interpretada pelos alunos da Escola Secundária Tomás Cabreira sobe a palco

O programa de atividades tem continuidade com uma noite de teatro, pelas 21:30 horas de 27 de março, sobem ao palco os alunos do Curso PAE, 3A e 3B da Escola Secundária Tomás Cabreira, para apresentar ao público “Do Quotidiano”, peça encenada por Alberta Santos, a partir de “Crimes Exemplares” de Max Aub.  

Para terminar, no dia 5 de abril, pelas 21:30 horas, sobe a palco a peça “SÓS” de Pedro Fiúza , interpretada pelos alunos do 3ºano do curso profissional de  Artes do Espetáculo-Interpretação  da Escola Secundária Tomás Cabreira, sob orientação de Marta Gonçalves. “SÓS é um conjunto de vozes possíveis que se tornam personagens possíveis. São marcas mais ou menos palpáveis de um tempo incerto. Restos de gente. Pedaços de revoltas. Fragmentos de amor absoluto”.

(ES/CM)

Facebook Comments

Comentários no Facebook