“Música clássica para todos” chega a Loulé

“Música clássica para todos” chega a Loulé

146
PARTILHE
“Música Clássica para Todos” conta com a participação especial do maestro Osvaldo Ferreira (Foto: D.R.)

A cidade de Loulé apresenta, entre 18 e 24 de março, uma semana temática com vários formatos que pretendem atrair seguidores e sobretudo os menos familiarizados com os labirintos e fascínios da música erudita. Esta iniciativa conta com a participação especial do maestro Osvaldo Ferreira.

A pensar em diferentes públicos, sob o mote “Música Clássica para Todos”, o Cine-Teatro Louletano dinamiza assim um conjunto diversificado de atividades que percorrem as dimensões formativa/educativa, socialmente inclusiva e performativa, numa estreita colaboração com o Auditório do Solar da Música Nova, o Conservatório de Música de Loulé – Francisco Rosado, as escolas EB2,3 do Concelho de Loulé e quatro projetos de inclusão social apoiados pela Autarquia louletana: “Espaço K” (Loulé), “Muda aqui” (Almancil), “Acredita em ti” (Quarteira) e “Caminhos” (Boliqueime).

Para o arranque do programa a organização sugere conversas performativas com o comunicador e maestro Osvaldo Ferreira, onde serão feitas viagens à história da música clássica numa abordagem informal, acessível e cativante, dirigidas a qualquer interessado em descobrir velhos e novos mundos musicais.

O acesso é gratuito mediante inscrição prévia, com uma lotação limitada, e as sessões acontecem em horário pós-laboral, entre as 18:30 e as 20:30h de segunda a quarta-feira (18 a 20 de março), no Auditório do Solar da Música Nova, em Loulé. Os participantes têm direito a um certificado de participação.

Por sua vez, entre os dias 19 e 21, Osvaldo Ferreira desloca-se a diversas escolas do Concelho de Loulé para encontros informais com turmas do 2.º ciclo (5.º e 6.º anos), para dar resposta ao desafio-pergunta “A música clássica em 60 minutos?”, num total de seis sessões onde dinamizará momentos musicais ao vivo e conversas descontraídas com alunos e docentes.

O maestro comentará o recital de piano da prestigiada sueco-japonesa Fuzjko Hemming no dia 21 de março (quinta-feira), pelas 21:30h, no Auditório do Solar da Música Nova, em que desfilarão obras de Scarlatti, Chopin, Mozart, Debussy e Liszt, num espetáculo com entrada paga (5 euros por pessoa) e lotação limitada.

No dia seguinte (22 de março), pelas 21:30h, também no Auditório do Solar da Música Nova (igualmente com lotação limitada e um ingresso de 5 euros por pessoa), num dos momentos mais aguardados da semana, é apresentada uma encomenda (em modo de “carta branca”) que o Cine-Teatro Louletano fez a Osvaldo Ferreira para que criasse um concerto a pensar sobretudo nos que não têm qualquer ligação com a música clássica e que  contará com 11 intérpretes convidados (piano, violinos, viola, violoncelo, contrabaixo, clarinete, guitarra e acordeão) numa viagem por diversos estilos, latitudes e estéticas musicais. Este espetáculo contará com a participação de jovens que integram os já quatro projetos de inclusão social apoiados pela Autarquia louletana, os quais irão visitar vários espaços culturais da cidade ligados à Música durante essa tarde, assistirão a um ensaio aberto ao final da tarde contactando de perto com os artistas, e depois desfrutarão do concerto à noite num ambiente descontraído e informal, de grande proximidade.

Privilegiando igualmente uma dimensão formativa, no sábado (23 de março) realiza-se no mesmo local uma masterclass sobre “Novas metodologias para o ensino das cordas/Método Suzuki: 25 anos em Portugal”, dirigida quer a docentes e alunos de Música quer a outros interessados, com lotação limitada e requerendo inscrição prévia com um custo associado por pessoa de 15 euros. O horário da formação é das 10h às 13h e das 14:30 às 16h, com direito a certificado.

A fechar a semana, no Cine-Teatro Louletano, terá lugar a 24 de março, pelas 17h, o concerto com a reconhecida Orquestra Filarmónica Portuguesa sob a batuta do maestro convidado Tobias Gossmann.

Segundo a Câmara Municipal de Loulé, “nas próximas temporadas o Cine-Teatro Louletano, em concertação com outros equipamentos e projetos da edilidade louletana, continuará a apostar na realização periódica de semanas temáticas dedicadas a estilos/universos musicais, sempre com convidados especiais, numa lógica de aposta na mediação cultural e de aproximação dos públicos às artes performativas.”

Para mais informações clique AQUI

(Stefanie Palma / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook