GNR apreende mais de uma tonelada de polvo em Olhão

GNR apreende mais de uma tonelada de polvo em Olhão

2208
PARTILHE
Polvo não foi sujeito ao regime de primeira venda em lota e não possuía o peso mínimo exigido por lei (Foto: D.R.)

A Unidade de Controlo Costeiro da GNR, através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Olhão, apreendeu esta quinta-feira, 4 de abril, 1.068 quilos de polvo, Octopus vulgaris, na Ria Formosa, em Olhão.

A apreensão resultou de uma ação de vigilância e patrulhamento que visava a preservação de espécies marinhas e a salvaguarda da fauna e flora da Ria Formosa, na qual os militares detetaram polvo-comum que não foi sujeito ao regime de primeira venda em lota e não possuía o peso mínimo exigido por lei para a sua captura e comercialização, que é de 750 gramas.

A empresa responsável foi identificada e foram elaborados os respetivos autos de notícia por contraordenação, designadamente um por fuga ao regime de primeira venda em lota (fuga à lota), com coima punível até valor máximo de 44.891 euros, e por captura de pescado sem respeitar o peso mínimo fixado, com coima punível até 37.500 euros.

(CM)

Facebook Comments

Comentários no Facebook