Nasceu a Associação de Comerciantes da Praia de Monte Gordo

Nasceu a Associação de Comerciantes da Praia de Monte Gordo

566
PARTILHE
A associação vai defender os interesses dos comerciantes junto das entidades responsáveis (Foto: D.R.)

Monte Gordo, no concelho de Vila Real de Santo António, conta desde o corrente mês de maio com a “Associação de Comerciantes da Praia de Monte Gordo e outros”, ampliando, assim, ainda mais a sua projeção turística e económica.

A nova estrutura tem como missão defender “os interesses dos comerciantes e operadores que desenvolvem atividade naquela zona balnear e responder às necessidades dos investimentos e negócios gerados com o recém-criado passadiço pedonal”, explica a associação em comunicado de imprensa.

Pedro Pires, presidente da associação, afirma que a estrutura nasce, em primeiro lugar, “para defender os interesses dos comerciantes junto das entidades responsáveis e da tutela, garantindo a força necessária para a sua representação e projeção”.

“Acreditamos que, enquanto associação, podemos ganhar economia de escala e potenciar todo o trabalho de requalificação que tem vindo a ser concretizado na praia de Monte Gordo, medidas que, aliás, fazem parte dos nossos estatutos”, acrescenta.

Além destas metas, a coletividade pretende intervir ao nível da promoção do destino balnear e das suas atividades económicas, nomeadamente na vizinha Andaluzia, aproveitando as linhas de apoio comunitário existentes e ao dispor das associações.

No seu primeiro mês de funcionamento, a Associação de Comerciantes da Praia de Monte Gordo quer dar-se a conhecer às várias entidades que intervêm sobre a praia, nomeadamente a Câmara de Vila Real de Santo António, a Junta de Freguesia de Monte Gordo, a Capitania, a Agência Portuguesa do Ambiente e o Turismo de Portugal.

No futuro, “as metas e projetos passam por resolver algumas questões geradas com a utilização do passadiço – que representa também um dos maiores investimentos realizados naquela zona balnear – nomeadamente ao nível da segurança, da circulação de bicicletas, da venda ambulante e da sua manutenção”, explica a associção em comunicado de imprensa.

Neste momento, a associação já se encontra totalmente formalizada, tendo os órgãos sociais sido eleitos no final de abril, pelo que todos os empresários e comerciantes que desenvolvem atividade na praia já poderão associar-se.

(CM)

 

Facebook Comments

Comentários no Facebook