ISMAT: Número de alunos universitários cresceu quase 50% no último ano

ISMAT: Número de alunos universitários cresceu quase 50% no último ano

694
PARTILHE
Foto Henrique Freire / POSTAL D.R.

Foi nas celebrações do Dia do ISMAT – Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes – que foi anunciada a subida do número de alunos da instituição, dos 300 para os 420 no presente ano letivo, um aumento de quase 50%.

Segundo Rui Loureiro, diretor Científico-Pedagógico do ISMAT, “este ano, pela primeira vez desde a grande crise de 2010, o ISMAT começou a crescer em número de estudantes e as perspetivas, para o próximo ano, apontam no mesmo sentido. O ensino superior encontra-se em constante mudança e desenvolvimento e o ISMAT “pretende acompanhar essa evolução”.

Atualmente, a oferta formativa do instituto é composta por 12 pós-graduações, um mestrado e oito licenciaturas. No entanto, “já no próximo ano letivo, haverá uma nova licenciatura em Gestão do Turismo e, talvez, um novo mestrado na área da psicologia”, disse Rui Loureiro na sua intervenção no Dia do ISMAT, que se realizou no Teatro Municipal de Portimão TEMPO, este sábado.

Ligações externas e internacionalização são objetivos a curto prazo

Para além da aposta em novas soluções de oferta formativa, o ISMAT pretende criar ligações externas, internacionais, de forma a criar oportunidades para alunos e docentes, através do programa ERASMUS+ e do Overseas.

Também Victor Santos, presidente da AAAULA, referiu na sua intervenção o crescimento do ISMAT, dizendo que “nos últimos meses [a instituição] ganhou um novo fôlego e uma nova dinâmica e isso muito se deve à determinação e ao empenho da nossa nova administradora-delegada, doutora Célia Pires”. O presidente da AAAULA, usou da palavra para dizer, também, que esta instituição é “um motor de desenvolvimento nesta cidade [Portimão] e nesta região. As palavras de ordem do ISMAT são «interdisciplinaridade» e «complementaridade»”.

Vítor Neto, presidente da Associação Empresarial da Região do Algarve, também se fez ouvir neste dia. A sua intervenção, intitulada “Algarve – Viagem rumo ao futuro”, falou do passado e do presente da região. O presidente do NERA ressaltou a importância da educação e da criação de “um plano estratégico de desenvolvimento económico no Algarve”, dizendo que “não temos turismo a mais, temos é os outros setores a menos”, salientando a importância dos sistemas educacionais no desenvolvimento destas propostas.

Ao longo de todo o dia de celebração, foram várias as referências feitas, pelas diversas entidades presentes, às relações externas que o ISMAT tem vindo a criar, à complementaridade que a instituição pretende desenvolver com as empresas da região e às parcerias que advém destas relações nacionais e internacionais.

(Andrea Camilo / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook