Orcas com crias foram hoje avistadas ao largo da Fuzeta (vídeo)

Orcas com crias foram hoje avistadas ao largo da Fuzeta (vídeo)

5045
PARTILHE

Um grupo de orcas foi avistado esta manhã ao largo de Olhão, num passeio para observação de golfinhos promovido pela empresa Passeios Ria Formosa

Cerca de 15 orcas com crias foram avistadas durante vários minutos pela empresa Passeios da Ria Formosa (D.R.)

O grupo, com perto de 15 animais, incluía adultos e algumas crias e foi avistado durante vários minutos a sensivelmente duas milhas da costa, frente à barra nova da Fuzeta.

As orcas surpreenderam os turistas que procuravam golfinhos e que seguiam a bordo do barco Airo, guiados pelos skippers João Veiga e João Neto, ambos estudantes de Biologia Marinha.

Fomos ver golfinhos e acabámos por ver os maiores de todos… as orcas!

As orcas surpreenderam os turistas que procuravam golfinhos (Foto D.R.)

“Nos passeios é muito frequente vermos golfinhos, aliás devido ao grande número de embarcações que possuímos e que saem todos os dias, nós conseguimos uma taxa aproximada de 95% de sucesso na observação de golfinhos”, adianta Ricardo Badálo, CEO da Passeios Ria Formosa.

“Mas observar orcas, embora não seja completamente invulgar, é bastante mais raro e os turistas ficam completamente extasiados. Até para nós, que estamos habituados a encontrar vida selvagem nas nossas águas, é algo muito emocionante”, acrescenta.

É sabido que, ocasionalmente, as orcas se deslocam na costa do Algarve. Acredita-se que tal aconteça porque seguirão a migração anual dos atuns entre o Atlântico e o Mediterrâneo.

Recentemente, em Maio, uma cria foi salva no Barlavento, ao largo de Vila do Bispo, por uma equipa de uma empresa de observação de cetáceos, enquanto estava presa numa bóia de pesca. Os maiores espécimes podem atingir as nove toneladas.

A orca (Orcinus orca) costuma ser erroneamente chamada de baleia-assassina, mas não é da família das baleias, que não possuem dentes.

Na verdade, com os seus dentes afiados e porte gigantesco, a orca é um…golfinho! Cientificamente, a orca é a maior espécie de golfinho existente no planeta. Inclui na sua dieta presas como peixes, moluscos, aves, tartarugas, focas, tubarões e animais de maior porte – como por exemplo baleias – quando caçam em grupo.

Facebook Comments

Comentários no Facebook