Algarve lidera turismo nacional com resultados históricos

Algarve lidera turismo nacional com resultados históricos

1233
PARTILHE
praia
O INE registou que a estada média nos estabelecimentos hoteleiros da região se situa nas 4,49 noites

O Algarve registou em 2016 mais de 18 milhões de dormidas na hotelaria, marca nunca antes alcançada por nenhum destino turístico nacional, divulgou esta quarta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Segundo os dados avançados hoje por esta entidade, a região alcançou o primeiro lugar em Portugal, não apenas em relação às dormidas de estrangeiros (14,2 milhões, que representam 37,2% de todas as dormidas de estrangeiros no país), como também de residentes (3,9 milhões, ou seja, 25,4% do total das dormidas de residentes em Portugal).

image006
Dormidas em estabelecimentos hoteleiros no Algarve de 2007 a 2016 (Fonte: INE)

Entre Janeiro e Dezembro de 2016 o INE registou que a estada média nos estabelecimentos hoteleiros da região se situa nas 4,49 noites, valor que compara com uma estada média a nível nacional de 2,81 noites.

“Depois de um ano a todos os níveis difícil no que concerne à gestão dos parcos recursos que nos são atribuídos, tivemos um desempenho exemplar em termos turísticos. Para um sector estruturante como o turismo seria expectável que se prolongasse este ciclo virtuoso, continuando a investir-se hoje para continuar a colher-se no futuro. Gostaria que o turismo tivesse o tratamento diferenciado que já fez por merecer», declara o presidente da Região de Turismo do Algarve, Desidério Silva.

Ano recorde também no aeroporto de Faro

Em 2016 passaram ainda pelo aeroporto de Faro 7,6 milhões de passageiros, número que constitui um novo recorde para a infra-estrutura depois de um crescimento de 18,5% em relação a 2015. O número de movimentos de aviões subiu 18,7%. Por mercado, o destaque vai para o Reino Unido, com 3,9 milhões de passageiros movimentados em Faro (+12,9%) e uma quota de mercado de 51,5 por cento.

Seguiram-se a Alemanha, com 882 mil passageiros (+22,3%), Irlanda, com 684 mil passageiros (+16,5%); Holanda, com 660 mil (+17,2%) e França, com 418 mil passageiros e um crescimento excepcional (+112,8%).

Facebook Comments

Comentários no Facebook