Francisco Amaral conquista sétima vitória consecutiva nas autárquicas

Francisco Amaral conquista sétima vitória consecutiva nas autárquicas

652
PARTILHE
Francisco Amaral
Coligação apela ao bom senso dos eleitos pelo desenvolvimento de Castro Marim (foto: João Conceição)

No passado dia 1 de Outubro, os castromarinenses foram chamados a votar e, com uma diferença de apenas 32 votos, deram novamente a vitória a Francisco Amaral que continua assim à frente da Câmara de Castro Marim por mais um mandato, que se prolonga até 2021.

Em nota de imprensa, a coligação PPD/PSD.CDS-PP, ‘Castro Marim + Humano’, congratula-se por esta que é a sétima vitória consecutiva de Francisco Amaral nas autárquicas. “Trata-se de uma grande vitória eleitoral, em contracorrente aos resultados eleitorais do partido a nível regional e nacional e atendendo ainda ao surgir de uma lista independente, liderada por um antigo autarca que dividia o tradicional eleitorado do PSD” afirma a coligação, acrescentando ainda que “o Partido Socialista obteve o pior resultado de sempre em eleições autárquicas em Castro Marim”.

Coligação ‘Castro Marim + Humano’ ganhou três das quatro freguesias do concelho

A coligação PPD/PSD.CDS-PP ganhou três das quatro freguesias do concelho, elegendo três novos presidentes: João Pereira (Odeleite) António Pereira (Azinhal) e Nélia Mateus (Altura). O PS venceu na freguesia de Castro Marim, com 47,99% e 933 votos, e na Assembleia Municipal, com 37,97% e 1.488 votos.

No que respeita à Câmara Municipal, os resultados finais deram a vitória à coligação ‘Castro Marim + Humano’ com 37,13% e 1.455 votos e colocaram o PS em segundo lugar com 36,31% e 1.423 votos. O movimento independente ‘CM1’, liderado por José Estevens, conseguiu eleger um vereador, com 21,08% e 826 votos.

Depois da disputa eleitoral, a coligação ‘Castro Marim + Humano’ apela “ao bom senso de todos os eleitos para darmos as mãos pelo desenvolvimento de Castro Marim e para dar mais qualidade de vida aos castromarinenses”.

(Cátia Marcelino / Henrique Dias Freire)