Município de Loulé constitui equipa municipal operacional de Proteção Civil

Município de Loulé constitui equipa municipal operacional de Proteção Civil

244
PARTILHE
A EMO é uma equipa de carácter permanente, que funcionará durante todo ano, colmatando uma necessidade sentida pelo Serviço Municipal de Proteção Civil. (Foto D.R.)

A Câmara Municipal de Loulé, através do seu Serviço Municipal de Proteção Civil (SMPC), constituiu uma Equipa Municipal Operacional (EMO) de Proteção Civil que tem como principal desígnio a prevenção, proteção e segurança de pessoas e bens.

A EMO é uma equipa de carácter permanente, que funcionará durante todo ano, colmatando uma necessidade sentida pelo Serviço Municipal de Proteção Civil, reforçando a sua capacidade de resposta no cumprimento das suas competências em matéria de planeamento e operações, prevenção e segurança, sensibilização e informação pública.

A Equipa será constituída por 5 elementos apoiados por uma viatura 4×4 munida de comunicações, equipamento de primeira intervenção para incêndios florestais (com capacidade para 500 litros), material sapador e equipamento operacional para apoio às operações de proteção e socorro. Tem como valências, o apoio operacional às ocorrências no Município, a colaboração nas ações de sensibilização e informação pública à população, ações de gestão florestal, silvicultura preventiva e o apoio e controlo na realização de queimas e de queimadas, vigilância  florestal, entre outras.

É intenção da Autarquia louletana constituir, durante o próximo ano, mais uma equipa com estas valências, dotando assim o Serviço Municipal de Proteção Civil de Loulé de uma estrutura de apoio e resposta adequada as exigências atuais, considerando que estamos sujeitos cada vez mais a situações inusitadas que requerem uma resposta rápida e eficiente.

Recorde-se que Loulé é o maior e mais populoso concelho do Algarve, e também um dos que regista um maior número de ocorrências, sendo por isso fundamental o envolvimento do Serviço Municipal de Proteção Civil.

Facebook Comments

Comentários no Facebook