Festival das Camélias regressa a Monchique

Festival das Camélias regressa a Monchique [fotogaleria]

743
PARTILHE

 

O Festival das Camélias, na sua quinta edição, está de volta à vila de Monchique no fim de semana de 23 e 24 de Março.

O programa deste ano contempla uma exposição e concurso de camélias, uma mostra de artesanato, workshops, animação e a tradicional Rota das Camélias.

A quinta edição do festival volta a reunir colecionadores, entusiastas e produtores de camélias, reafirmando e elevando aquele ícone da cultura e identidade local. As edições anteriores do festival foram pautadas por diversas actividades, tais como a dança, a pintura, a cerâmica, a doçaria, a música, a poesia à solta, as performances e o teatro. Estas iniciativas proporcionaram a todos os visitantes um fim de semana inesquecível “com toda uma animação circulante constante”.

Autarquia convida amantes das camélias a visitarem Monchique

A organização promete “um programa variado com excelentes propostas e com uma cadência de actividades que prometem encher os dias do festival”. A mesma fonte acrescenta ainda que “sendo a camélia um ícone natural, cultural e patrimonial do concelho não fazia sentido que não existisse um momento em sua homenagem e contemplação. Após cinco anos, existe a certeza e a convicção que Monchique é já uma referência e que reúne em si a distinção de ‘Jardim do Algarve’ e o festival foi e é (mais) um impulsionador deste atributo”.

A autarquia de Monchique convida todos os amantes destas flores a testemunharem a sua beleza e promete, a quem ainda não visitou o Festival das Camélias em edições anteriores, o “empenho na construção e criação de histórias que irão prevalecer por longos anos, na memória de todos aqueles que decidirem deixar-se apaixonar pela beleza desta maravilhosa flor, que facilmente nos transporta para o mundo maravilhoso da cor, da alegria e do romance”.

O município convida assim todos os amantes das camélias e público em geral a participar neste evento, desfrutando da beleza desta flor. “Quem ainda não nos visitou, em edições anteriores, lançamos um desafio: parta à descoberta com disponibilidade para a surpresa e para o encantamento. Prometemos o empenho na construção e criação de histórias que irão prevalecer por longos anos, na memória de todos aqueles que decidirem deixar-se apaixonar pela beleza desta maravilhosa flor que facilmente nos transporta para o mundo maravilhoso da cor, da alegria
e do romance”, reforça a autarquia.

(Stefanie Palma / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook