Monchique: Villa Termal avaliado em 10,5 milhões de euros após renovação

Monchique: Villa Termal avaliado em 10,5 milhões de euros após renovação

752
PARTILHE

A Villa Termal Caldas de Monchique Spa Resort tem novos donos e está a ser remodelada, com conclusão da primeira fase prevista para a Páscoa deste ano, sendo que ainda este ano serão anunciadas outras renovações.

A icónica estância termal foi adquirida por Adrian Bridge e Miguel Velez, sócios fundadores da Unlock Boutique Hotels, a hotel management company portuguesa que será responsável pela gestão da operação da unidade, numa joint venture com Paula Nascimento, acionista da Sociedade da Água de Monchique, num negócio avaliado em 10,5 milhões de euros.

“Esta operação demorou sensivelmente um ano a ser concluída. Porém, no decorrer desse período foi possível investir na requalificação da oferta hoteleira e termal da Villa, na sua vertente de turismo de natureza e, complementarmente, nas experiências gastronómicas, totalmente em linha com o que a região de melhor oferece. Criámos um verdadeiro hub de bem-estar, que valoriza e eleva a um novo patamar de excelência do resort, que promete agora afirmar-se como um verdadeiro ponto de partida para descoberta do destino, ligando a qualidade única da Água de Monchique, com a componente de ‘termal spa’, turismo natureza e gastronomia”, afirma Miguel Velez, acionista do resort e CEO da Unlock Boutique Hotels.

Oferta hoteleira diferenciada

Entre o barlavento e o sotavento algarvios, a Villa Termal Caldas de Monchique, integrada na paisagem da Serra de Monchique, com os seus 39 hectares recortados por riachos por onde corre a mundialmente conhecida Água de Monchique, passará a contar com um total de 114 quartos, suites e apartamentos, distribuídos por quatro unidades hoteleiras diferenciadas e adaptadas às necessidades de vários targets, privilegiando sempre a qualidade e o conforto.

“Com estas renovações, queremos voltar a reposicionar a estância, reforçando a sua competitividade turística. Apesar da oferta diferenciada, com públicos-avos bem delineados, todas as unidades têm um elemento em comum: o serviço de excelência, em que o culto pelo detalhe é levado muito a sério e que orgulha toda a equipa”, afirma Miguel Velez, CEO da Unlock Boutique Hotels.

Destino gastronómico de excelência

“As experiências gastronómicas são outra das novas dimensões da Villa Termal, que se prepara para requalificar a sua Praça Central, que, além de uma nova decoração de exteriores, passará a ser um dos principais pontos de encontro da estância, com diferentes atrações. A Praça Central é também o ponto de partida para se visitar os quatro novos restaurantes da estância, que apostam na gastronomia regional, com ingredientes locais e frescos”, refere a nota de imprensa.

A estância passa ainda a contar uma nova sala de banquetes, destinada a recriar eventos únicos, à medida da ocasião, que poderá receber até 120 pessoas, seja em conferências, seminários, colóquios, encontros internacionais, lançamentos de produtos, etc.

Um hub de bem-estar

Apreciada desde o tempo da presença do Império Romano na Península Ibérica, acreditava-se que a água de Monchique, era sagrada, devido às suas propriedades de cura que levavam centenas de pessoas a Mons Cicus, o nome latino de Monchique. Rica em bicarbonato, sódio e flúor, hoje sabe-se que é a água mais alcalina de Portugal e uma das mais alcalinas do mundo, sendo especialmente indicada para o tratamento de doenças e afeções das vias respiratórias e músculo-esqueléticas, além de ajudar na recuperação da vitalidade orgânica, retardar os sinais associados ao envelhecimento e prevenir a osteoporose. Com base nestes benefícios, a Villa oferece vários programas de wellness, com durações variadas, em que os hóspedes podem ter acompanhamento médico personalizado.

Porém, é possível desfrutar também de experiências de puro relaxamento no Spa Termal, que dispõe um conjunto de programas com tratamentos e rituais, com a assinatura LA PHYTO, desde duches de jato e vichy, massagens e hidromassagens e aplicação de lamas, além de um circuito de relaxamento termal com piscina interior aquecida, sauna e banho turco.

Para quem não dispensa a atividade física, o resort oferece ainda um ginásio, agradáveis zonas verdes e é reconhecido pelos seus percursos pedestres pela serra, que fazem as delícias dos fãs de atividades outdoor, como trekking, hiking, biking e bird watching.

Entre as principais novidades da remodelação, a área das piscinas exteriores surgirá também renovada e em perfeita sintonia com a soberba envolvência natural, fazendo com que a Villa Termal das Caldas de Monchique seja a primeira escolha para quem procura umas férias relaxantes.

“Nesta unidade, procuramos sobretudo revitalizar o setor termal, associando-o a programas de bem-estar holísticos, com uma estadia de prestígio aliada a experiências únicas ao nível da gastronomia, spa e programas outdoor. O plano de requalificação da unidade vem, precisamente, alavancar o destino para um nível premium no turismo nacional e internacional”, refere Miguel Velez.

(ES/CM)

Facebook Comments

Comentários no Facebook