Mina de Sal-Gema de Loulé abre a visitas turísticas

Mina de Sal-Gema de Loulé abre a visitas turísticas

703
PARTILHE
- PUB -

A Mina de Sal-Gema de Loulé já está aberta a visitas turísticas.

Espaço está localizado a 230 metros de profundidade (Fotos D.R.)

Após o advento do programa Allgarve (2008 e 2009), a mina limitou, nos últimos anos, as suas visitas à vertente a académica, abrindo as portas exclusivamente para escolas, universidades e no âmbito do programa Ciência Viva no Verão.

Estando atualmente previsto um projeto de maiores dimensões para a revitalização deste espaço para fins turísticos, a mina voltou a abrir as portas para o público em geral, onde todos os interessados podem, num tour interpretado de duas horas, descobrir o extraordinário mundo da mina subterrânea de sal-gema com mais de 45 quilómetros de galerias e mergulhar na única mina portuguesa visitável que se localiza abaixo do nível do mar.

Visitantes vão ficar a conhecer os processos de mineração antigos e atuais

Os visitantes vão ficar a conhecer a história deste espaço, localizado a 230 metros de profundidade, admirar formações geológicas com 230 milhões de anos e, para esse fim, foi criado um percurso de interpretação com cerca de 1,3 quilómetros dentro da mina onde, com o auxílio de guias especializados, todos os visitantes são convidados a conhecer os processos de mineração antigos e atuais.

Para dar prossecução a esta viagem ao interior da terra, a Tech Salt S.A., concessionária da Mina de Sal-Gema de Loulé, estabeleceu uma parceria com a empresa turística Picturesque Journey e, neste percurso de visitação, para além de dar a descobrir a importância geológica desta mina no contexto da região, serão abordadas as inúmeras aplicações do sal-gema utilizadas pelo Homem ao longo da história, até à atualidade.

A mina pode ser visitada, nos dias úteis, das 9 às 18 horas. O preço da entrada varia entre 25 e 15 euros.

Facebook Comments

Comentários no Facebook